sexta-feira, 29 de agosto de 2008

As canções


Dentre tantas canções
Algumas dizem tanto
Outras apenas um tanto
Mas todas cheias de emoções

A poesia impregnada na melodia
Baila versando momentos
Refletindo tristeza ou alegria
Em euforias ou lamentos...

O cantor canta o que eu queria lhe dizer
O ator dessa história sou eu
Personagem perdido num breu
Tateado nesse vazio tentando encontrar você

Nem sempre aplaudido
Respondido com glória
Mas sempre esperançoso ou iludido
Que haverá uma grande vitória

Como guerreiro estratégico
Arteiro e faceiro do seu querer
Autentico, sereno e enérgico...
Querendo e querendo, apenas vencer.

Júlio Nessin

MEUS VÍDEOS

Loading...